Por Gabriel Castilho

Posts tagged “Lady Gaga

Cover de Lady Gaga

Um dia Deses estava no MSN conversando com um Amigo que é Super Fã Tambem Da Lady Gaga e ele me manda um Video que Virou It na Web Depois de ter ido em Show de sucesso no U.S.A  e fez um Cover Perfeito de PAPAZZARI  de Lady Gaga. O video dele cantando Fodasticamente No palco Da Ellen Show é esse aqui.

Foda não


Divulgada possível capa do single "Alejandro", da Lady GaGa

image 33

O modelo Andre Ziehe foi o escolhido para estrelar junto com Lady Gaga na possível capa de “Alejandro”, seu próximo single a ser lançado. Como foi publicado na semana passada o clipe terá direção do fotógrafo Steven Klein. Gostaram?


Usando chapéu telefone

Desabafo

Usando chapéu telefone, Lady Gaga diz ser marginalizada pela indústria da música

holo%20040310%2026Lady Gaga culpou a velha guarda de Hollywood de “destruir o show business,” durante uma entrevista no chat show do apresentador Jonathan Ross, onde usou um chapéu de telefone.

A cantora não aprova o hábito de certos famosos de expor seu lado menos glamouroso ao público.

“Preferiria morrer do que deixar meu público me ver sem meus sapatos altos.”

“Nunca vou desistir de meus chapéus e de minhas perucas.”

“Você vê gente lendária colocando o lixo na porta de casa. Acho que isso destrói o show business.”

Gaga também disse que não se sente integrada ao mundo das celebridades.

“Você nunca me vê brigando em clubes noturnos.”

Gaga cantou Brown Eyes e Telephone no programa e entreteve a audiência com outras tiradas estranhas.

“Não falei com ninguém no Brits (Award).”

“Sou uma marginal na indústria da música. Não tenho nenhum amigo no meio.”

“Não tenho tempo para conhecer pessoas. Sou solteira e solitária. Ninguém iria aguentar minhas loucuras.”


Lady GaGa enfrenta homofóbico

Mais uma vez LADY GAGA  protege um de seus amigos gay !!

Cantora jogou bebida no homem que disparou ofensas contra ela e Adam Lambert

Related Posts with Thumbnails

Que Lady GaGa defende e ama o público gay não é novidade alguma, então dá pra imaginar o que pode acontecer quando alguém se aproxima dela com atitudes homofóbicas.

A cantora demonstrou que sua defesa vai além dos holofotes quando precisou enfrentar um homofóbico  em um club de Ottawa, no Canadá – cidade onde a cantora realizou um dos shows da sua turnê “The Monsterball Tour”.

Lady GaGa estava dançando com seus amigos quando foi abordada pelo tal homem que disparou ofensas homofóbicas contra ela e o cantor gay assumido Adam Lambert.

Lady GaGa por David LaChapelleDe acordo com o National Enquirer, o homem usou um termo pejorativo para se referir à Adam Lambert e falou que GaGa seria um homem.

Educadamente, a cantora apenas respondeu “Bem, essa é sua opinião, certo? Então não vou perder meu tempo tentando mudá-la”, mas parece que o homem estava com vontade de brigar e continuou com as ofensas falando que os dois são “aberrações” e vão para o inferno.

Como paciência tem limite, Lady GaGa não aguentou e disparou: “Ok, chega. Me chame do que quiser, mas quando começar a xingar meus amigos, já era – é guerra!“.

Em seguida, a cantora jogou bebida na cabeça do homem e foi embora do club.

Falando em Lady GaGa…
Pelo visto não é só o homofóbico de Ottawa que acha Lady GaGa uma pecadora com passagem garantida para o inferno.

Com a campanha “Deus Odeia Lady GaGa (God Hates Lady GaGa)” os manifestantes pretendem protestar contra as apresentações provocantes e roupas despudoradas da cantora que são consideradas uma revolta contra Deus.

Em defesa de Lady GaGa, o padre português Edgar Clara diz que Deus não a odeia e os ataques não passam de uma tacada de marketing do líder da Igreja Batista de Westboro, Fred Phelps, que quer promover a imagem da instituição não reconhecida como batista por outras do gênero.

Enquanto isso no Brasil
Nada de inferno e nada de protestos. Aqui, os boatos crescem sobre os shows da cantora no país, que já teriam datas agendas para o primeiro semestre deste ano, inclusive com uma apresentação em um club gay de São Paulo.

A gravadora Universal Music confirmou as negociações para trazer a “The Monsterball Tour” ao Brasil.

Ao que tudo indica, a empresa responsável pela vinda da cantora ao país é a T4F – Time For Fun – responsável por toda confusão na venda dos ingressos para os shows de Madonna, no final de 2008.